23
02 / 2018

Quarteto de metais da Ospa estreia na série Música no Museu

Rio Grande do Sul

Tamanho

As artes visuais e a música de câmara se encontram, neste domingo (6), em uma eclética tarde na Pinacoteca do Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli (Margs). A partir das 16h30, o Grupo de Trombones e Tuba da Orquestra Sinfônica de Porto Alegre interpreta obras tradicionais para a formação, arranjos especiais epeças mais recentes. 

O cenário é a exposição Zoraiva Bettiol - o lírico e o onírico, que reúne obras da artista gaúcha. Composto por José Milton Vieira (trombone),Wilians Wagner (trombone), Julio Rizzo (trombone) e Wilthon Mattos (tuba), músicos da sinfônica, o quarteto faz sua estreia neste evento, o nono recital da Série Música no Museu da Ospa. A entrada é franca.

Programa

O repertório inicia com arranjos de obras que remetem à música sacra: Três motetos, do compositor austríaco Anton Bruckner (1824-1896) e Achieved Is the Glorious Work, parte do oratório The Creation de Josep Haydn (1732-1809). Uma peça do francês Claude Debussy (1862-1918), La Fille Cheveux de lin, dá continuidade à apresentação.

Na sequência, o quarteto interpreta Etre ou ne pas etre do também francês Henri Tomasi (1901-1971). Para encerrar o recital, os instrumentistas dão destaque a composições e arranjos do brasileiro Gilberto Gagliardi: Cantos Nordestinos, Dança Antiga e Garota de Ipanema fecham o programa.

Texto: Marília Lima
Edição: Secom 

Se você está buscando um novo emprego, selecione abaixo:

Cadastre seu currículo agora   Envie seu currículo para dezenas de empresas

Revise seu currículo com um especialista   Consultoria gratuita para obter um emprego